9.7.17

Infância

Como era lento o tempo
Como era grande meu quintal
Como eram doces as frutas
E davam em pés

Como eram sabidos os adultos
Eram sem fim os motivos
Eram de vento os moinhos
E giravam sem parar

Eram eternas as tardes
Eram manhosas as manhãs
Eram dias  em anos
E vasos  davam flor

Era poema
E prosa
E cor

Era azul
Era lilás
Eram cores e cheiros

Vó Lola e Luiza
Nego e Lindo
Histórias e pele gasta

Eram tempos
Em tempos
Feitos
Tardes de verão