3.12.14

Oração de um paulista crente que votou certo no segundo turno da eleição presidencial

Essa noite, preocupado com o futuro incerto do nosso país por causa da grande burrada que foi o resultado da eleição do domingo, perdi o sono. Resolvi levantar para interceder pela nossa nação mas, quando dobrei os joelhos, apesar do buraco sem fundo que estamos nos metendo, só me vieram palavras de agradecimento a Deus:

Obrigado, Senhor, pelas tuas bênçãos, teu favor ilimitado que esclareceram tanto minha mente e fizeram de mim alguém com tanto discernimento. Obrigado, Senhor, por abrir meus olhos para enxergar o que a maioria dos brasileiros não vê. Obrigado, Senhor, por me dar inteligência e empreendedorismo para vencer na vida. Obrigado, Senhor, por não me fazer preguiçoso e, mesmo saindo de uma família humilde do ABC paulista, ter sido sempre trabalhador e não precisar mendigar nenhum programa social para vencer na vida. E eu venci, Aleluia! Obrigado, Senhor, por ter me feito nascer no ABC, terra com tantas oportunidades de emprego que eu, tinhoso como sou, sempre soube aproveitar. Obrigado, Senhor, por ter me feito responsável, cumpridor dos meus deveres, cidadão de bem, que estudei numa das tantas faculdades que existem por aqui. Obrigado, Senhor, por eu ter utilizado todo esse conhecimento e sabedoria conseguidos à custa de muito estudo e trabalho honesto para saber o que é melhor para mim e para aquele miserável nordestino preguiçoso e analfabeto.

Aliás, obrigado, Senhor, por não me fazer indolente com os nordestinos que só querem viver à custa do bolsa miséria. Obrigado, Senhor, por ver que os paulistas, assim como eu, rejeitam essas esmolas do governo corrupto do PT. Obrigado, Senhor, por saber que São Paulo não precisa disso, que essas bolotas de porco sejam despejadas nesses nordestinos burros e bovinos. Obrigado, Senhor, por colocar pessoas sábias como o Diogo Mainardi para denunciar essa calamidade. Só não entendo, Senhor, porque São Paulo é um dos maiores beneficiários do bolsa esmola! Isso só pode ser fraude e a corrupção típicas do PT desmoralizando o programa: nordestinos safados que devem estar utilizando dois endereços diferentes, um naquela terrinha ridícula e outra aqui nesse local de tantas bênçãos, para ganhar o benefício em dobro. Aliás, um governo que, para ganhar uma eleição tenha que recorrer à fraude, eu li por aí, só pode dar esse tipo de incentivo mesmo. Obrigado, Senhor, por não ter permitido que eu nascesse naquela terrinha miserável de gente feia e fedida que nem banho toma, afinal, nem água lá tem! Obrigado, Senhor, por ter dado sabedoria e inteligência aos meus pais que, quando se casaram, saíram daquele lugar de gente deplorável e vieram aqui para essa terra de oportunidades, onde construíram uma família linda e de quem me orgulho bastante. Só lamento que essa gente preguiçosa nordestina, que vive às custas das esmolas dadas pelos analfabetos, corruptos e comunistas do PT, quando quiser subir na vida, venha pedir emprego aqui nessa terra maravilhosa governada com tanta competência pelos acadêmicos, ilustrados e distintos políticos do PSDB. Que apodreçam no nordeste, porque São Paulo é lugar de gente ordeira, trabalhadora.

Senhor, quando chegar no teu reino, além de querer conhecer pessoalmente Abraão, Isaque e Jacó, quero fazer duas perguntas que me incomodam bastante: a primeira, para onde vão as canetas quando desaparecem, a segunda, porque São Paulo é uma terra tão próspera, tão cheia de gente de bem, trabalhadora, que leva esse miserável país nas costas, que paga o bolsa esmola desses desocupados do nordeste, enquanto o nordeste é um lugar tão desagradável, pobre, cheio de gente inferior e analfabeta. Apesar de eu ser extremamente culto, inteligente, ler tantos livros, conhecer tudo de História, principalmente a do Brasil, ter um discernimento acima da média, como é comum nos paulistas bem sucedidos como eu, e se não bastasse, estar cercado de amigos igualmente notáveis como eu, muitos deles praticamente cientistas políticos, outros economistas informais de extraordinário saber, e como dizia, apesar disso, eu não entender porque essa discrepância toda entre nordeste e sudeste. Que carma esse miserável povo do nordeste tem, Senhor? Qual foi o pecado deles? E eu, por que Senhor, tenho que ficar sustentando esse bando de vagabundos? Eu sei, Senhor, que os seus desígnios são profundos, incompreensíveis, e o entendimento total desse mistério só terei quando estiver nas Bodas do Cordeiro ou quando chegar no Paraíso, se eu morrer antes do Arrebatamento.

Também entendo, Senhor, que a vitória do PT foi sua vontade permissiva, porque tua boa, agradável e perfeita vontade seria o PSDB ganhar porque assim ele acabaria com essa palhaçada dessa bolsa miséria o colocaria os vagabundos do nordeste para trabalhar. Nós, teus servos, falhamos quando não oramos e jejuamos suficiente. Seu servo Marco Feliciano até nos conclamou para tirarmos esse partido diabólico do poder mas nós somos desunidos: falhamos! Perdão, Senhor.

Mesmo assim, Senhor, tua benignidade é tão grande e a despeito de nossas falhas, tu nos abençoa sempre, até mesmo por meio de uma jesuscidência! Justamente agora, nas vésperas da eleição presidencial é que comprei meu Hyundai HB20 branco zero quilômetro. Foi em boa hora para poder postar uma foto no facebook com minha bênção e esfregar no nariz dos meus primos vadios nordestinos qual a diferença entre quem depende do bolsa esmola e quem trabalha de fato. Obrigado, Senhor! Momento melhor não havia. Ah, e ademais para mostrar aos meus vizinhos, invejosos e não invejosos, que eu também posso comprar um carrão, que eu sou servo de Deus, que fui colocado por cabeça, e não cauda! Eu te peço, Senhor, que nunca me falte emprego para eu poder pagar as 60 parcelas do financiamento e desde já eu repreendo toda cilada do inimigo, declaro que o diabo está derrotado e o devorador não tem poder sobre minhas finanças! Eu sei em quem tenho crido e tu és fiel, dia após dia, por isso não me faltará dinheiro para continuar pagando o seguro, o IPVA, as revisões e a gasolina aditivada, porque declaro que só vou colocar combustível decente na minha bênção.

Senhor, obrigado, obrigado, obrigado, eu te louvo, eu te adoro, acima de tudo eu te amo, por me fazer um paulista inteligente e não um nordestino burro.


(Se você chegou até aqui e se sentiu ofendido ou achou o texto muito estranho, deixa-me explicar: esse é um texto irônico. Textos irônicos por vezes são difíceis de serem compreendidos. A ideia do texto é mostrar como esse tipo de pensamento, que infelizmente surgiu bastante nas eleições presidenciais de 2014, é ridículo. Procurei colocar cores fortes mas ainda assim algumas pessoas me disseram que há de fato pessoas que pensam exatamente assim, o que mostra o quanto isso é triste. Eu me inspirei em uma parábola de Jesus, a do fariseu e do publicano, em que o fariseu se julgava melhor que o publicano. É essa postura condenável que vemos em muitos cristãos, paulistas em particular, que se julgam melhores que nordestinos que votaram em uma alternativa política diferente das deles. Duplamente lamentável por se dizerem cristãos, já que tais atitudes demonstram que não entenderam direito a mensagem do cristianismo. Finalizando, paulistas arrogantes e xenófobos que se julgam melhores e mais inteligentes que nordestinos, não passam de infelizes tolos e patéticos).
__________
- Obadias de Deus
Músico que ganha a vida com sistemas, casado, dois filhos, sonhador e especialista em projetos  inconclusos. Vive no limiar da vida cotidiana e de seus devaneios que, ele nunca perde as esperanças,  algum dia darão certo, mas muito provavelmente não.

Nenhum comentário:

Postar um comentário