18.8.14

Do lado de dentro

Olho pela janela e vejo o mar.
Outrora vi ruas, pessoas, mas agora minha visão alcança a imensidão e o mistério das águas.

Do lado de dentro da janela já fui muitos. Muitos e diferentes.
Já fui engenheiro, de máquinas e pensamentos.
Já fui conselheiro, pastor e cozinheiro.
Já fui marinheiro, do tipo Popeye, mas missionário.
Um marujo com missão, a missão do amor.
Já me sujei, já fiquei limpo.
Sujei a mão e a alma.
Limpei-me todas as vezes, algumas com água, outras com sangue.
Já fui ajudante, já fui mandante.
Já discordei e calei. Já falei quando não devia.
Já fui muitos. Muitos que eu gostei e alguns que odiei.
Já fui eu e já fui outro.

Daqui do lado de dentro da janela por vezes se esquece de como é viver do lado de fora, onde a vida real acontece.
O lado de dentro da janela já foi abrigo e já foi prisão.
Já foi esconderijo e labirinto.
Já foi ilusão. Digo foi, porque não me iludo mais.
Já me perdi do lado de dentro, que é tão dentro que me deixou aqui, dentro em mim.
Já tentei mudar o lado de dentro, mas é tudo tão interior, tão longe e tão perto.
Já fui a mudança e já fui mudado pelo lado de dentro, da janela e de mim mesmo.

O lado de dentro da janela é misterioso, como o mar, como a vida lá fora, como a batida aqui dentro, no fundo do peito.
Do lado de dentro da janela, Deus caminha.
Do lado de dentro do peito, Deus habita.
Do lado de dentro há paz, graça, misericórdia.
O lado de dentro da janela é casa, pra mim.
O lado de dentro do peito também é casa, pra Deus.

O lado de dentro – da janela e do peito - me intriga, me estimula, me tira o chão, pede o meu melhor, me bagunça, me resolve, me faz menos eu e mais de Deus.
O lado de dentro me expõe, me revela, me lava, cria a canção e a poesia e os põe para o lado de fora.
O lado de dentro traz sentido, cala o choro, arranca o sorriso, a dança, a arte, a crônica, a poesia da vida.

Do lado de dentro da janela já fui faxineiro, do chão e da alma.
Do lado de dentro da janela, me descobri.

Do lado de dentro do peito, fui transformado, encontrado por aquele que encontra a todos. Esteja você do lado de dentro ou de fora. Da janela ou do peito.
__________
- Rafael Bertolino
Missionário da 'Operação Mobilização' servindo no navio Logos Hope ao redor do mundo. Fala de futebol e teologia ao redor da mesa, as vezes ao mesmo tempo. É músico por insistência e escreve por necessidade própria. Corinthiano e sofredor pela graça. Seguidor do Jesus de Nazaré acima de tudo, acredita que o reino de Deus é um reino de amigos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário